Camerata Aberta faz abertura da temporada 2011 no SESC Consolação

A Camerata Aberta abre sua temporada 2011 com recital voltado para a música das Américas, no dia 12 de abril (terça-feira), às 21h, no Teatro Anchieta, do SESC Consolação.

 A regência fica a cargo de Ricardo Bologna, que pela primeira vez empunha a batuta diante do ensemble. Criada há um ano e composta por 15 instrumentistas das melhores orquestras de São Paulo, a Camerata já recebeu o prêmio APCA 2010 de música contemporânea pelo pioneirismo e excelência de seu trabalho.

 Para a abertura de sua segunda temporada, a Camerata se apresenta com sua formação completa. Participam ainda os músicos convidados Simona Cavuoto (violino) e Diogo Maia (clarone/clarinete).

 A escolha do repertório, feita por Bologna e por Sergio Kafejian, coordenador artístico da Camerata, busca ampliar a compreensão e fruição da música contemporânea para além da tradição europeia, que evolui da cronologia clássica até os diferentes movimentos da música pós-romântica e pós-moderna, bem definidos e quase obrigatórios em suas épocas entre os músicos, com a hegemonia de franceses, alemães e italianos.

 No novo continente, as peculiaridades de cada região, seja do Norte ou do Sul, unidas à liberdade quanto a cânones e a uma tradição pré-estabelecida, que em novas terras não existia, deu origem a uma pluralidade de estilos e movimentos que fazem dos compositores das Américas tão distintos entre si. Os autores selecionados para o concerto da Camerata também diferem em idade, indo do veterano Crumb, que ainda compõe aos 81 anos, a Felipe Lara, 32.

Dessa forma, os norte-americanos George Crumb (1929) e John Adams (1947), o argentino radicado na Inglaterra Alejandro Viñao (1951) e os brasileiros Marcos Mesquita (1959) e Felipe Lara (1979) compõem uma seleção heterogênea, cujos fios condutores são aspectos intrínsecos da música, e não correntes estéticas.

De um lado estão Crumb e Lara, cujos trabalhos são mais calcados no timbre, que é “a cor do som” ou, de forma leiga, o som característico de cada instrumento em todas as suas possibilidades. Crumb, um dos cânones da música norte-americana, explora “efeitos especiais produzidos com os instrumentos tocados de maneira inusual, em combinações inusitadas”, explica Bologna. Já o jovem brasileiro Felipe Lara segue também por essa vertente, ainda que utilizando também as notas como condutoras.

Na vertente que orienta seus trabalhos pelo ritmo, ou a pulsação musical, estão Adams e Viñao. O norte-americano John Adams, que entre suas numerosas peças contabiliza o sucesso operístico Nixon na China, trabalha muito próximo ao minimalismo, mas sem ortodoxia. Partindo de um material harmônico simples, que permite uma suntuosa elaboração rítmica com resultado vigoroso, numa mescla de latinidade à técnica apurada, trabalha Alejandro Viñao.

O brasileiro Marcos Mesquita fica entre as duas vertentes, utilizando tanto timbre quanto ritmo em suas composições. A obra que será executada no concerto, Cadernos de Berlim 3, foi escrita durante sua estada na capital alemã. Ela apresenta uma diversificada trama de inter-relações estilísticas entre o “popular”, o “erudito” e o “novo”. Cada um dos cinco movimentos explora essas inter-relações de maneiras diferenciadas, sendo que a ironia talvez seja uma das qualidades mais marcantes. A instrumentação é uma derivação e uma homenagem à peça A História do Soldado, de Stravinsky.

Programa

JOHN ADAMS 
Son of Chamber Symphony

GEORGE CRUMB
Eleven Echoes of Autumn

FELIPE LARA
Tutti

MARCOS MESQUITA
Cadernos de Berlim 3

ALEJANDRO VIÑAO
Colysion Y Momento

Formação:
Coordenador artístico: Sergio Kafejian
Flauta –Cássia Carrascoza
Clarinete –Luis Afonso “Montanha”
Oboé –Alexandre Ficarelli
Fagote – Fábio Cury
Trompa – Nikolay Genov
Trompete – Adenilson Telles
Trombone –Carlos Freitas
Percussão –Charles Augusto e Herivelto Brandino
Piano –Horácio Gouveia e Lidia Bazarian
Violino –Martin Tuksa
Viola –Peter Pas
Violoncelo – Dimos Goudaroulis
Contrabaixo –Pedro Gadelha

Ricardo Bologna – regente

Timpanista da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP),  professor do Departamento de Música da ECA/USP e regente da Orquestra Sinfônica Jovem Municipal. Participou em julho de 2010  do “Conductors Retreat at Medomak”, curso dedicado ao aperfeiçoamento de jovens regentes, ministrado pelo Maestro e Professor Kenneth Kiesler. Regeu a Orquestra de Câmara da OSESP dentro da temporada 2009 de concertos. Dirigiu as Orquestras Sinfônicas do Conservatório de Genebra, de Minas Gerais, São Bernardo do Campo, Jovem do Estado de São Paulo, da USP, Coro da Camerata de Curitiba, Orquestra de Câmara de Curitiba, Orquestra de Câmara do Amazonas e Filarmônica de Minas. Foi vencedor do II Concurso Eleazar de Carvalho para Jovens Regentes (2002). Nesse mesmo ano, fundou o Percorso Ensemble, grupo especializado na execução do repertório dos séculos XX e XXI, que realiza vários concertos pelo Brasil e que lançou dois CDs: Berio + , pelo Selo SESC-SP e  “Música Plural”,  pela Petrobras. Em 1989 funda o Duo Contexto de percussão com o percussionista Eduardo Leandro, premiado no VI Prêmio Eldorado de Música (1991) e no “Musikwettbewerb fur die Junge Kultur” (Alemanha/1996) e com concertos em vários festivais no Brasil e no exterior. Foi percussionista convidado da “Orchestre de la Suisse Romande” e do “ Ensemble Contrechamps” em Genebra, Suíça. Seus principais professores foram Elizabeth del Grande, John Boudler, William Blank, Yves Brustaux e Robert Van Sice. 

Ingressos: R$10, R$5 e R$2,50

Data: 12/4/2011

Horário: 21:00:00

Local: Teatro Anchieta (SESC Consolação) – Rua Dr. Vila Nova, 245 – São Paulo – SP

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: